A vida é uma poesia

Poemas de amor, poemas de amizade, poemas para o Dia dos Pais, Poema para o Dias das Mães, poema para o Dia das Crianças, mensagens de otimismo, frases e pensamentos.






Mostrando postagens com marcador Poemas de Amor. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Poemas de Amor. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Sempre te amei

Cena do filme Encantada

“O verdadeiro amor não morre, ele fica adormecido... Quando a vida se encarrega de unir os corações que foram separados um dia, tudo voltará com mais intensidade, e nada nem ninguém poderá destruir esse amor..."

(Pensamento de Chris Amag)

sábado, 2 de fevereiro de 2013

I miss you



Poema feito em 1999, durante a aula de Literatura Inglesa

I MISS YOU 
 
When I am alone       
I miss you,       
You left a long time ago,       
And I didn't still forget you.       
When I hear our music       
I remember your perfume,       
Your voice, our encounters...       
You left a long time ago,       
But you are still alive in my memory.       
Now your image don't have form,       
You were a young handsome man, I know,       
High and thin, but the one that I can say now     
It's only the Feeling stayed ... He is single,     
Because He is stronger than everything,     
He has a defined form,      
As a scar in my heart,        
... and this music, your kisses, they open the wound...       
And it seems that everything has just happened,     
You left a long time ago,      
But you didn't tell me good-bye,       
Then I could not forget you.

                               MARIA CRISTINA GAMA



SAUDADES

Quando eu estou só
Eu sinto falta de você,
Você partiu há muito tempo atrás,
Mas eu ainda não esqueci você.       
Quando ouço a nossa música,
Lembro do seu perfume,
Da sua voz, dos nossos encontros...       
Você partiu há muito tempo atrás,
Mas você ainda está vivo em minha memória.       
Hoje a sua imagem não tem forma,
Você era bonito, jovem, eu sei,
Alto e magro, mas agora eu só posso falar
Do sentimento que ficou... Ele é único,
Porque Ele é mais forte que tudo,
Ele tem uma forma definida,
Como uma cicatriz em meu coração,
... e esta música... Seus beijos... Eles abrem a ferida...       
Parece que tudo há pouco aconteceu...
Você partiu há muito tempo atrás,
Mas você não me disse adeus,
Então eu não pude esquecer você.

Chris Amag

Poema de Minha autoria

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Meu primeiro amor

http://pt.appszoom.com


















Com um vestido branco e vermelho,
Equilibrava-me nos meus saltos,
Embaixo de um guarda-chuva preto,
Daquele dia, jamais me esqueço...

Era uma rua de terra, cheia de barro,
E eu tinha que atravessar toda ela...
Afundava o meu branco sapato,
Como se estivesse em uma passarela...

Chegava de uma outra cidade,
Com malas de roupas no braço,
Tinha ainda pouca idade,
Mas conhecia bem aquele pedaço.

De repente, alguém abaixou,
Olhando-me por baixo do guarda-chuva,
Me deu um sorriso largo e se apresentou,
E eu fiquei paralisada, quase muda...

Deste encontro meio desajeitado,
Nasceu um grande amor,
A casa dele ficava do outro lado...
Da minha janela, eu o via no telhado.

Muitos chocolates me dava no portão,
O mais gostoso era o “Sensação”...
Assim, ele sempre adoçava o meu dia,
Estar perto dele, era o que eu mais queria.

Depois veio o primeiro beijo,
Depois outro e outros mais...
Mesmo sendo namoro proibido,
Não permitido pelos nossos pais.

O final desta história?
Quer saber mais?
Do primeiro amor
A gente não esquece jamais.

Chris Amag

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Amanhecer em mim



Conhecer você foi como o amanhecer,
O amanhecer que se fez em mim,
A chuva caindo lá fora, na noite escura,
E aqui dentro um raio de sol a me aquecer.

Um pouco de mistério e surpresa,
Um pouco de saudade e ansiedade,
Não tenho mais pouca idade
Para montar esse quebra-cabeça...

E então, espero a chuva passar?
Deixo o sol envolver-me inteira?
Deixo o tempo resolver tudo?

O tempo... Nada melhor que o tempo,
Dele nasce a saudade e a resposta,
Então, continue amanhecendo em mim.

Maria Cristina Gama

quinta-feira, 26 de julho de 2012

O vulcão e a libélula



Outro dia, achei um texto que me deu
No tempo em que me conheceu,
Uma história do vulcão e a libélula...
Escrito à mão, um pouco de você...

Difícil ler e não se entristecer,
Lembrar do quanto me amava...
Como tudo isso foi acontecer?
Está tudo lá, na folha amarelada...

Um amor jurado para sempre,
E que agora não existe mais,
Como se apaixonar novamente,
Se um dia pode ser nunca mais?

Ah, e quando ainda fala comigo
Como se nada tivesse acontecido,
A mesma voz, a mesma atenção...
Quer confundir o meu coração?

Mexer em papéis velhos dá nisso:
Procurar nas cinzas a brasa...
Mas encontrar um vulcão adormecido
E uma libélula sem asas...

Chris Amag

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Nossa canção


Imagem: aquelamusicadaquelacena.blogspot.com 

Minha boca está seca, mas não desejo água...
Quero muito mais que molhar os meus lábios,
A minha sede entra pelos meus olhos e ouvidos
E cai direto dentro do coração como uma canção.

É disso que tenho sede, sede de ouvir nossa música,
A nossa música como uma serenata na noite calada,
Quando minha voz se unia a sua: deliciosa harmonia,
E não pensávamos em mais nada - era nossa a madrugada.

Agora, as madrugadas morrem na noite, não nascem.
As noites vestem seus pijamas e se escondem no sono,
E as canções se aprisionam nas memórias do outono.

Então, com a garganta seca, colam também os lábios meus...
E amanhece o dia, a noite tira o sol da cama e ele nem reclama,
Não quer incomodar a madrugada, que pegou no sono de tão cansada.

Chris Amag
19-06-2012
23h21


domingo, 10 de junho de 2012

Tempo psicológico

artepoeticaencontros.blogspot.com


O tempo de um beijo quase não existe,
As bocas se separam e ficam tristes
E o próximo encontro ainda está distante,
Mesmo que seja daqui a um instante.

Ah... Como o relógio anda ligeiro
Quando estou namorando você,
Queria que ele quebrasse o ponteiro,
Para conversarmos o dia inteiro.

Assim é o tempo para mim:
A saudade brinca com as horas,
Deixa tudo com muita demora,
Parece que esperar não tem fim.

E assim o tempo ri da gente,
O que é bom passa rápido,
O que não é, uma eternidade...
É o nosso tempo psicológico!

Chris Amag

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Te amo em silêncio


Te amo em silêncio,
Te amo escondido,
Mas é para sempre
Meu querido...

Te amo baixinho
Em versos calados,
Mas é verdadeiro
Esse amor revelado.

Te amo em segredo,
Mas sei que bem sabe
E conhece o meu medo.

Será sempre meu
Se for desse jeito
Dentro do meu peito.

Chris Amag


Imagem torada do blogue:
mensagensabencoadoras.blogspot.com

sábado, 26 de maio de 2012

Tenho medo

scrittaonline.com.br


Tenho medo
Da solidão
Da exposição
De não sorrir

Tenho medo
De esquecer
De te perder
De partir

Tenho medo
De falar demais
De perder a paz
De desistir

Só não tenho medo
Da minha poesia
Minha companhia
Meu existir...
.
Chris Amag


Ps: Claro que o meu existir é Jesus, mas foi Ele que me fez assim, cheia de inspiração para escrever... Agradeço a Ele por esse dom.

terça-feira, 1 de maio de 2012

Beija-flor



Beija-flor que baila
na minha janela,
faz meu coração saltar,
e depois repousa no ar...
vem de muito longe,
só para me dar um olá,
depois some no céu,
pois lá é o seu lugar...

Chris Amag
30-04-2012

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Amar para mim é...


Me encontrar dentro dos seus olhos e sentir o meu rosto corar, esquecer-me dentro deles e não perceber que também me olha...

Reconhecer os seus traços até na sua sombra, esconder-me nela para refrescar meu corpo e acalmar o meu coração acelerado...

Tentar decorar as linhas da sua boca enquanto fala e disfarçar que não ouvi uma só palavra do que você me disse...

Ficar perto de você para ouvir a sua voz quando fala com alguém só para saber se ela muda quando fala especialmente comigo...

Ficar de longe olhando tudo o que faz , saber como você é quando não está comigo e descobrir que o admiro ainda mais...

[...]

O meu amor é assim, silencioso, não quer fazer qualquer barulho até que um dia você me olhe e veja em mim a sua essência...

Então poderei me perder em seus olhos, descansar na sua sombra e alinhar os meus lábios nos seus...

Poderei ouvir a sua voz bem perto e sentir a sua respiração, não mais ficarei do outro lado da calçada, caminharemos juntos.

O meu amor é discreto, mas é intenso, ele fala com o olhar, o falar e em cada gesto que faço, basta que me olhe com os olhos do coração.

Chris Amag
.

domingo, 4 de setembro de 2011

Em algum lugar...


Existem dias em que a espera se faz longa,
Às vezes penso em desistir... Até de mim,
Mas há ainda certa esperança que aponta
E se faz presente quando desejo pôr fim...

Ainda acredito que exista em algum lugar
Alguém especial: minha outra metade
Que fará meu coração carente disparar
Só não sei se é desta ou de outra cidade...

Não que eu seja muito exigente, não é isso,
Apenas procuro quem me ame de verdade,
Sem aquela desconfiança de ambas as partes.

Não idealizo para mim um príncipe encantado,
Apenas alguém que me tome em seus braços
E que deixe meu coração em descompasso...

Chris Amag

...

terça-feira, 5 de julho de 2011

Uma nova canção


http://luzdasol.blogspot.com/2007/08/ouvindo-msica.html
Acredito que todas as pessoas
Possuam uma música favorita,
Aquela que você canta à toa
E que faz parte da sua vida...

Mas, e quando você descobre
Que a sua música foi roubada?
Com ela vai a sua identidade,
Das lembranças não fica nada...

E o que nos resta, então?
Ficar procurando as marcas,
O passado em cada estação?

Roubaram a minha música,
Mas não tem problema não,
Logo terei uma nova canção.

Chris Amag

Bom, por enquanto, agora esta é a "minha" canção:

sábado, 30 de abril de 2011

Quando você menos esperar...


Quando não estiver esperando,
Alguém vai se aproximar de você
Olhar bem dentro dos seus olhos
E dizer algo de tirar os sentidos...

Então vai voltar a sentir novamente,
O coração batendo forte no seu peito,
Não vai nem conseguir pensar direito,
Como se voltasse a ser adolescente.

As primaveras agora já são muitas,
Mas o tempo traz colorido e vida
E as flores atraem pessoas queridas.

Já sinto no ar esse tempo chegar,
Como se eu já estivesse pronta,
Esperando meu amor desabrochar.


Chris Amag

.

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Arriscar ou investir?




Dizem que o amor surge de uma grande amizade,
Quando podemos ser nós mesmos, sem segredo,
Falamos do que nos incomoda, sem ansiedade,
E rimos de tudo, como uma entrega sem medo...

Mas como agir quando nos encantamos por alguém
Que ainda é apenas um rosto, com frases escolhidas,
Tiradas de livros de autoajuda, ou criadas também,
Que escondem o desconhecido, escondem uma vida?

Ah, como eu gostaria de ser primeiro sua amiga,
Conhecer sua insegurança, e tudo o que lhe agrada...
Ser um ombro amigo, para sentir mais de perto
O seu perfume, o seu calor e sua voz sussurrada,

Quem me dera ser a primeira ler os pensamentos
Que coloca no papel e poder dar os meus palpites,
O que toda amiga faz, sem medo, a todo momento,
Mesmo que você não goste disso e me critique.

Todos nós queremos ter os pés no chão, segurança,
Mas buscamos sempre alguém que nos tire o chão...
“Arriscar” é uma palavra para o mundo dos negócios,
Eu prefiro investir, conhecer, analisar com o coração.

sábado, 23 de outubro de 2010

Como diz o ditado: "A beleza está nos olhos de quem vê"

http://blog.cancaonova.com/ananeri/files/2008/06/casal-de-namorados.jpg

Outro dia, passei bastante tempo observando toda gente,
principalmente os casais de namorados de várias idades,
vi mulheres muito bonitas com homens não tão atraentes
e também homens belíssimos com mulheres sem vaidade.

Também observei que algumas mulheres eram sorridentes,
um sorriso tão largo e tão gostoso que até nos fazia bem,
não eram altas e nem magras, sem beleza surpreendente,
com os olhos tão vivos, tão puros que quase ninguém tem.

E alguns homens... Percebi que não chamavam a atenção
de quem busca aquele tipo de beleza que todos veem...
Mas quem observa cada gesto de carinho com o coração
Verá a beleza que passamos a vida procurando em alguém.

Chris Amag

sexta-feira, 9 de abril de 2010

O verdadeiro amor

http://sombradosol.zip.net














Há quem busque beijos inesquecíveis,
eu busco o beijo que se insinua,
olhos que se entregam em silêncio,
mãos que se encontram de repente
e arrancam suspiros escondidos...

Há quem busque um abraço que aperta,
eu quero apenas braços em minha volta,
quero caminhar no mesmo passo, juntos,
sentir que está do meu lado, só isso,
nada mais importa, se está comigo...

Há quem busque alguém para conversar,
eu quero alguém que pense em mim,
e eu possa sentir a sua presença assim,
aqui dentro do peito, mesmo longe,
para mim, esse é o verdadeiro amor.

Chris Amag

POEMA FALADO

terça-feira, 19 de janeiro de 2010

Saudade

http://umnovoolhar.nafoto.net/
















A saudade é cheia de lágrimas
E cheia de sorrisos escondidos,
É como um poema sem rimas,
Mas música para nossos ouvidos.

Sentimento que queremos ter,
Mas não queremos sentir,
Paradoxo difícil de entender,
Isso não dá para discutir.

Tenho saudade do que senti,
Sinto falta do que será
E medo do que acontecerá.

Só de uma coisa não tenho medo
E disso não faço segredo:
Nunca vou me esquecer de você.

Chris Amag

segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

Metade
















Meio sorriso,
meias palavras,
meia lua,
meia maçã,
meio bom dia
meia noite...
meia hora,
meio caminhar,
meio abraço,
meio beijo,
meia sombra,
meio café...
Meio poema.

Sem você,
os advérbios
viram números.

Sem você,
sou metade!


Chris Amag
11-01-10
22h

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Prosopopeia

Existem olhos tão pretos que não mostram onde olham,
Outros que correm rápidos no ambiente, sem fixar o olhar,
Como se nada tivesse sentido, ninguém fosse querido,
Olhos que se escondem, que evitam, cheios de mistério...

Mas existem aqueles que olham o que não pode ser visto,
Que se encantam com a menina dos olhos, em total intimidade,
Desnudam todos os sentimentos, deixando-nos vulneráveis
E provocam aquele friozinho na barriga... “Já sentiu?”








Ah! Os olhos... É o que notamos primeiro em alguém!
Muitas vezes esses olhos mostram sorrisos,
Outras vezes parecem mostrar corações duros,
São tantos sentimentos misturados, desconfiados...

E os olhos apaixonados? Esses são os mais engraçados!
Provocam desejos e pedem beijos...
Mas quando o momento mágico acontece,
Não veem nada, pois os olhos ficam  fechados.

Chris Amag